Entenda sobre o aparelho medidor de pressão arterial

A hipertensão é uma condição cardíaca que se mostra assintomática na maioria dos casos. Por isso, os cuidados devem ser redobrados.

Fazer as medições da pressão arterial em equipamentos que sejam precisos e confiáveis é fundamental para manter a doença sob controle, assim como, para preveni-la.

Neste artigo, você saberá como os monitores digitais de pressão arterial funcionam.

Além disso, irá conhecer as exclusivas tecnologias que estão por trás dos equipamentos Microlife e o que fazem deles instrumentos fundamentais para a prevenção e o controle da hipertensão arterial.

O que é a pressão arterial?

Para começar, vamos entender o que é a pressão arterial.

O sangue circula pelo organismo pelo fato de ser bombeado pelo coração. As artérias são os vasos que conduzem o sangue rico em oxigênio a todos os órgãos e tecidos do corpo.

Diante disso, a pressão arterial pode ser entendida como a pressão que o sangue, ao circular, exerce contra as paredes das artérias.

Nesse processo, existem duas modalidades de pressão.

Quando o coração se contrai e impulsiona o sangue pelas artérias, ocorre a chamada “pressão sistólica” (ou pressão máxima). Na continuação do ciclo dos batimentos cardíacos, o coração se dilata e relaxa. Nesse momento, verifica-se a “pressão diastólica” (pressão mínima).

Estes são os dois resultados encontrados em uma medição da pressão arterial, sendo que o equipamento registra os respectivos valores aferidos em milímetros de mercúrio (mmHg), unidade de medida de pressão consagrada pelo Sistema Métrico Internacional.

Assim, uma medição que resulte em uma condição considerada normal e saudável de pressão arterial irá apontar 120 mmHg (pressão sistólica) x 80 mmHg (pressão diastólica), o famoso “12 por 8”.

Como ocorre a hipertensão arterial?

As causas primárias da hipertensão arterial são o estreitamento do diâmetro das artérias ou o seu bloqueio parcial, dificultando o fluxo sanguíneo.

Nessas situações, o coração precisa aumentar a força do seu batimento para que o sangue continue chegando a todas as partes do organismo.

O estreitamento das artérias pode ter origem natural (genética). Mas ele também acontece devido ao acúmulo de gordura nas paredes das artérias próximas do coração, devido a uma alimentação inadequada e pouco balanceada (normalmente, baseada em frituras e excesso de sal).

Vale lembrar que o cigarro e as bebidas alcoólicas também atuam diretamente na diminuição do calibre das artérias, sendo um gatilho importante para o surgimento da hipertensão.

Como é feita a medição da pressão arterial?

Os monitores de pressão, tanto analógicos quanto digitais, usam as braçadeiras infláveis para interromper o fluxo sanguíneo no braço por alguns segundos para, assim, poder medir a pressão arterial. Conforme a braçadeira é afrouxada, o sangue volta a fluir e as leituras são feitas.

Os equipamentos digitais possuem um sensor que mede a pressão arterial assim que o fluxo sanguíneo é restabelecido. Esta é a pressão sistólica, de maior valor.

Na sequência, no momento em que o sensor não “percebe” mais o fluxo de sangue, é feita uma segunda leitura, a de menor valor. Trata-se da pressão diastólica.

A importância de monitores digitais precisos e confiáveis

Monitores digitais diferenciam-se dos analógicos pela facilidade que proporcionam a leitura das medidas da pressão arterial. Basta acoplar o manguito ao braço e o equipamento realiza o procedimento automaticamente, apresentando o resultado na tela do aparelho.

No entanto, é fundamental que eles tenham sido desenvolvidos e possuam tecnologias que garantam a precisão das leituras realizadas, tornando-as absolutamente confiáveis e seguras.

Caso contrário, podem apresentar medições errôneas, que não correspondem à realidade do paciente. Nessa situação, o equipamento estará prejudicando todos os cuidados feitos para tratar a hipertensão do indivíduo.

Onde encontrar monitores confiáveis e precisos?

Tecnologia de ponta a serviço da saúde! É com essa filosofia que a Microlife desenvolveu a mais moderna e avançada linha de monitores de pressão arterial em todo o mundo, que se destacam da concorrência pela precisão e confiabilidade no que se refere aos resultados apresentados em suas leituras.

A excelência dos equipamentos que produz é reconhecida pelas mais importantes associações médicas internacionais, inclusive brasileiras.

Para que equipamentos como esses possam estar à disposição dos médicos, dos profissionais de saúde e das pessoas em geral no Brasil, a MedLevensohn, empresa distribuidora de produtos para saúde e bem-estar, desenvolveu o Projeto MedHyper.

O objetivo da iniciativa é trazer ao mercado nacional os melhores monitores digitais de pressão arterial fabricados no mundo e auxiliar no combate a hipertensão arterial no país.

Para isso, firmou uma parceria com a Microlife, líder mundial na fabricação de equipamentos de diagnóstico médico, tornando-se distribuidora exclusiva da marca no Brasil.

Tecnologias exclusivas dos monitores Microlife garantem precisão e confiabilidade na medição da pressão arterial

Os monitores digitais Microlife dispõem de tecnologias exclusivas que não apenas garantem a precisão dos resultados apresentados, mas também inovam ao permitir a detecção de eventuais arritmias cardíacas.

Veja, a seguir, os recursos tecnológicos Microlife que estão à disposição dos médicos, seus pacientes e do público em geral:

1.    Tecnologia MAM – Microlife Average Mode

Os monitores digitais de pressão arterial Microlife são programados para realizar três medições sequenciais e automáticas, com um intervalo de um a dois minutos entre cada leitura.

Assim, o resultado apresentado será a média das três medidas, o que traz mais precisão e confiabilidade à aferição.

Com a tecnologia MAM, evita-se a possibilidade de que uma única medição – que eventualmente tenha sido feita de maneira errônea – traga um valor que não corresponde à realidade, prejudicando os cuidados relativos ao controle da hipertensão.

2.         Tecnologia AFIB (Atrial Fibrilation)

A exclusiva tecnologia AFIB presente nos monitores de pressão arterial Microlife tem o objetivo de detectar a fibrilação atrial.

Trata-se de um tipo de arritmia cardíaca responsável por cerca de 30% dos casos de acidente vascular cerebral (AVC) no Brasil e que também está associada à insuficiência cardíaca (o chamado “coração fraco”).

Nestes equipamentos, as tecnologias AFIB e MAM atuam em conjunto. Durante as três medições da pressão arterial, o monitor irá verificar se há a ocorrência da arritmia.

Somente no caso dela ser detectada nas três aferições, o mostrador do aparelho irá iluminar o alerta “AFIB”, avisando o usuário.

A informação deve ser levada o quanto antes ao cardiologista, para que ele possa confirmar a arritmia e fazer o diagnóstico correto por meio de exames ambulatoriais, como o eletrocardiograma de 12 derivações.

3.         Pulse Arrhythmia Detection (PAD)

Os modelos Microlife com a tecnologia PAD detectam batimentos cardíacos irregulares durante a aferição da pressão arterial.

Isso permite que a pessoa e seu médico sejam alertados de maneira precoce a respeito da ocorrência da arritmia, que pode indicar possíveis doenças no coração.

Com base nessa informação, o cardiologista irá solicitar a realização de exames que ajudarão a definir os eventuais tratamentos a serem feitos a partir dali.

Saiba mais sobre os monitores Microlife e saiba como adquirir o seu

Por meio do Projeto MedHyper, a MedLevensohn importa para o Brasil os mais avançados monitores digitais de pressão arterial, produzidos na Suíça pela Microlife.

São equipamentos que atendem a diversas situações, desde o uso doméstico até a utilização em consultório pelo cardiologista, incluindo monitores para a realização dos exames MAPA (Monitor Ambulatorial de Pressão Arterial) e MRPA (Monitor Residencial de Pressão Arterial).

 

12Para mais informações, entre em contato com a equipe de especialistas da MedHyper!

aparelho de pressão, MedHyper, medlevesohn


MedHyper

A MedLevensohn, empresa brasileira de distribuição de produtos para saúde e bem-estar com mais de 18 anos de atuação no mercado nacional, desenvolveu o Projeto MedHyper com o objetivo de prover uma vida equilibrada e de qualidade, com economia, informação, comodidade e tecnologia aos portadores de Hipertensão. Este poderoso aliado tecnológico, baseado nos mais modernos sistemas de telessaúde do mundo, visa trazer benefícios diretos aos seus participantes. De uma forma prática e eficiente, o MedHyper é uma ferramenta importante no controle de problemas crônicos e de difícil solução através de métodos usuais.

Assine nossa newsletter

Gostaria de receber informações e comunicações do projeto MedHyper via email com a opção de descadastramento a qualquer momento.

Contato