Quando é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional

Caracterizada pela elevação dos níveis da pressão arterial, a hipertensão é uma doença que atinge cerca de 30% da população brasileira.

Por se tratar de uma condição assintomática, ela costuma evoluir e atacar órgãos importantes do corpo — como coração, rins e cérebro —, podendo levar à morte.

A boa notícia é que a identificação e o tratamento precoce ajudam a reduzir a mortalidade por causa das doenças relacionadas à hipertensão arterial.

Mas a única maneira de detectar anormalidades na pressão arterial é por meio do monitoramento constante, seja no consultório médico ou em casa.

Para tanto, é essencial contar com um medidor de pressão arterial profissional. Isso porque ele oferece resultados mais precisos e confiáveis durante o monitoramento.

Entretanto, em um dado momento, esse aparelho deixa de ser útil. Isso faz com que seja necessário trocá-lo.

Por isso, você descobrirá neste artigo quando é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional e mais!

Quais são os perigos da hipertensão arterial?

Como você viu, a hipertensão arterial é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de diversas doenças. Entre elas, destacam-se os problemas cardíacos, como fibrilação atrial, ataque cardíaco e arritmia cardíaca.

Além disso, a hipertensão pode levar a problemas cerebrais, como acidente vascular cerebral. Também aos problemas renais, como insuficiência renal, e ocular, como retinopatia hipertensiva.

Muitas dessas doenças podem levar à morte. Diante disso, muitos profissionais ressaltam a importância de adotar cuidados essenciais para a saúde, como aferir a pressão arterial em casa.

Qual a importância dos medidores de pressão arterial?

Mudanças de comportamento ajudam a reduzir as oportunidades de desenvolver hipertensão arterial, bem como suas consequências.

Por exemplo, a adoção de hábitos mais saudáveis é fundamental, já que diversos fatores de risco associados à pressão alta são modificáveis.

Além disso, é recomendado aferir a pressão arterial com certa frequência, pois essa é a única maneira de detectar anormalidades que podem indicar a presença da doença.

Inclusive, muitos profissionais ressaltam a importância de medir a pressão arterial em casa, além do monitoramento realizado no consultório médico.

Isso porque essa prática ajuda o seu médico a diagnosticar mais precocemente a existência da doença e a monitorar o comportamento da pressão arterial para readequar o tratamento conforme as necessidades do paciente.

Qual o melhor aparelho de pressão para se ter no consultório ou em casa?

Como você viu, monitorar e tratar a hipertensão arterial pode diminuir as consequências desta doença. Para tanto, é essencial ter certeza de que as leituras sejam precisas.

Nesse sentido, contar com um medidor de pressão arterial profissional faz toda a diferença. Afinal, eles são aparelhos atestados por órgãos importantes que garantem a sua qualidade.

Entretanto, nem sempre é fácil escolher um medidor de pressão arterial profissional. Por isso, é válido saber como escolher o melhor aparelho para se ter no consultório ou em casa.

Confira!

Avalie os certificados conquistados

O melhor medidor de pressão arterial profissional é aquele que possui certificações emitidas por órgãos que validam a qualidade desses aparelhos.

No Brasil, o órgão regulador é o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade de Tecnologia, conhecido como INMETRO.

Além dele, há outras certificações internacionais importantes, como a Sociedade Britânica de Hipertensão (BHS) e a Associação Europeia de Hipertensão (ESH).

Vale lembrar que os monitores de pressão arterial da nossa parceira comercial Microlife possuem diversas certificações que atestam a sua qualidade, como a BHS e a ESH.

Considere os monitores com tecnologia inovadora

A hipertensão arterial pode provocar uma série de complicações, certo? Por isso, já existem no mercado diversas soluções que fazem mais do que apenas medir a pressão arterial.

Ou seja, já existem medidores de pressão arterial que apontam sinais de doenças relacionadas à hipertensão, como problemas cardiovasculares.

A linha Microlife, por exemplo, conta com a tecnologia AFIB que ajuda a detectar fibrilação atrial enquanto o paciente afere sua pressão.

Por isso, considere a tecnologia envolvida na fabricação desses aparelhos quando fizer a sua escolha.

Atente-se à qualidade do material utilizado na sua confecção

Como os aparelhos de pressão arterial são essenciais para o monitoramento constante da saúde do paciente, é essencial que eles tenham boa durabilidade.

Para isso ser possível, eles devem ser confeccionados com materiais resistentes, como o duralumínio — material utilizado na confecção dos monitores de pressão arterial Microlife.

Sendo assim, a sua escolha também deve levar em consideração a qualidade do material utilizado na confecção dos aparelhos para medir a pressão arterial.

Quando é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional?

Como você viu, até mesmo um medidor de pressão arterial profissional precisa ser trocado. Isso pode acontecer por diversos motivos.

Por isso, veja quando é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional:

Fim da vida útil

Todo monitor de pressão arterial possui uma vida útil. Ela é uma estimativa de quanto tempo um aparelho pode ser utilizado sem perder suas características essenciais.

Ou seja, a vida útil diz por quantos anos um medidor de pressão arterial continua funcionando bem. Logo, quando esta acaba, significa que ele deixa de apresentar resultados confiáveis.

Sendo assim, é o momento de reavaliar a necessidade de trocar o seu medidor de pressão arterial profissional. Portanto, esteja atento ao fim da vida útil do seu aparelho.

Reparos recorrentes

Durante a vida útil do medidor de pressão arterial profissional é possível que haja a necessidade de fazer manutenções. É importante que ela seja feita o mais rápido possível.

Afinal, o aparelho está apresentando falhas que podem impactar diretamente nos resultados, o que pode trazer consequências graves para a saúde das pessoas.

Muitas vezes, há cobrança de uma taxa. Logo, reparos recorrentes podem se tornar caros. Diante disso, talvez esteja na hora de trocar o medidor de pressão arterial.

Ineficácia da calibração

Para assegurar a precisão e a veracidade dos resultados obtidos com a medição da pressão arterial, é fundamental calibrar os aparelhos.

A calibração nada mais é do que fazer ajustes de acordo com um instrumento de referência padrão. Esta depende do quanto o aparelho é utilizado.

Para calibrá-lo, basta enviar para a assistência técnica. Entretanto, caso ela verifique a ineficácia da calibração, é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional.

Para aproveitar ao máximo os benefícios que o monitor de pressão arterial profissional pode proporcionar, é importante saber quando substituí-lo.

Precisando trocar de medidor de pressão arterial profissional?

Você viu neste artigo quando é hora de trocar o medidor de pressão arterial profissional.

Se você precisa de um monitor de pressão arterial para cuidar melhor da sua saúde ou dos seus pacientes, entre em contato conosco e conheça mais sobre nossas soluções!

Somos o distribuidor exclusivo dos monitores de pressão arterial Microlife — empresa líder mundial no desenvolvimento e fabricação de equipamentos para diagnóstico médico!

aparelho de pressão, MedHyper, monitor de pressão arterial


MedHyper

A MedLevensohn, empresa brasileira de distribuição de produtos para saúde e bem-estar com mais de 18 anos de atuação no mercado nacional, desenvolveu o Projeto MedHyper com o objetivo de prover uma vida equilibrada e de qualidade, com economia, informação, comodidade e tecnologia aos portadores de Hipertensão. Este poderoso aliado tecnológico, baseado nos mais modernos sistemas de telessaúde do mundo, visa trazer benefícios diretos aos seus participantes. De uma forma prática e eficiente, o MedHyper é uma ferramenta importante no controle de problemas crônicos e de difícil solução através de métodos usuais.

Assine nossa newsletter

Gostaria de receber informações e comunicações do projeto MedHyper via email com a opção de descadastramento a qualquer momento.

Contato